Mensagem de Boas Vindas

Caras e caros colegas, 

O XXII Congresso Nacional da Ordem dos Engenheiros (OE) decorrerá nos próximos dias 27 e 28 de outubro, em formato digital, depois de ter sido adiado, em 2020, devido à situação pandémica que o País e o Mundo ainda atravessam, conforme oportunamente comunicado.

Será a primeira vez na história da nossa Associação Profissional que o Congresso assumirá um formato não presencial, mas tempos excecionais exigem respostas de excecionalidade, que consideramos cautelares e adequadas à situação que ainda vivemos, sendo que o formato digital também permitirá uma mais ampla adesão e assistência.

Porque vivemos uma nova realidade, com novos paradigmas que marcarão uma nova época, adequámos igualmente o tema e o programa do Congresso planeado para 2020.

“A Engenharia e os Desafios do Futuro" é, assim, o tema do nosso Congresso. Pretendemos contribuir, no âmbito das atribuições estatutárias da Ordem, para um debate técnico sobre os desafios que se avizinham e as transições já em curso, que contribua para o esclarecimento e para o progresso e desenvolvimento nacionais, nos quais os Engenheiros serão protagonistas indispensáveis e cruciais.

A desafios antigos, mas de grande atualidade, como sejam o Ambiente, Clima e Descarbonização, a Mobilidade e Coesão Social e Territorial, a Transição Digital e Cibersegurança, Investigação e Inovação e Desafios Globais para o Desenvolvimento, juntamos intervenções de fundo sobre os novos desafios decorrentes da pandemia, como sejam a sustentabilidade e resiliência, o papel da Engenharia na recuperação económica do País e ainda os desafios da educação e da qualificação na adequação do capital humano às necessidades de empresas privadas e públicas, bem como do próprio Estado.

Apelo, pois, à participação de todas e todos neste Congresso, para que juntos, debatendo e refletindo, possamos demonstrar a capacidade, a qualidade e a excelência da Engenharia Nacional.

Eng. Carlos Alberto Mineiro Aires
Bastonário - Ordem dos Engenheiros